A FOLHA DO LITORAL

COZINHA JAPONESA A ARTE DO CHEF CAIÇARA VANDO DA VILA


HomePage

A gastronomia japonesa, tanto pela forma de misturar os ingredientes, quanto pela beleza na apresentação de seus pratos, é como uma delicada obra de arte. A palavra que significa refeição em japonês é gohan. Mas, na verdade, o termo se refere ao arroz cozido, que é a base da alimentação dos japoneses, do café da manhã ao jantar.

Para comer, os japoneses usam palitos, os hashis, que são, principalmente, de madeira, crua ou laqueada (o mais utilizado pelos japoneses e chamado de sugi-bashi), mas podem ser de diversos materiais, como marfim, ossos, dentes de elefante, bambu e metal, entre outros.

Uma refeição tradicional japonesa é constituída por uma cuia de arroz branco, sopa (geralmente de missô - pasta de soja), uma rica variedade de hortaliças ou de picles (tsukemono), acompanhados de pequenas porções de peixe ou carne. Entretanto, a gastronomia não se reduz a apenas isso e a variedade de pratos pode ser interminável. Atualmente, outros componentes já foram incorporados ao menu, como pão, macarrão e carnes. Fast-food, hambúrguer e frango frito são bastante populares entre crianças e jovens japoneses, assim como em qualquer país do mundo.

A cultura japonesa é conhecida pela gentileza e educação de seu povo e, à mesa, não poderia ser diferente: antes de cada refeição é costume dizer “itadakimassu”, que significa mais ou menos “pedir licença ou permissão pra comer”. Ela expressa, também, a gratidão a todos que trabalharam para preparar a comida. Ao terminarem, eles dizem “gotissossama deshita”, que é uma forma de demonstrar agradecimento e agrado pela refeição que acabaram de fazer.

Ingredientes
Podemos também mesclar a comida japonesa usando muitas frutas cítricas ,pois vivemos num Pais tropical onde temos divervas variedades. Eu costumo usar muitas frutas,por ex: preparo de geleias de tamarindo uma fruta seca ,podemos também preparar geleia de jabuticaba,geleia de framboesa,e uma geléia a base de maçã com pimenta de cheiro,podemos variar com muitas opções.

Tenho um prato que chutney de abacaxi que dei o nome de sushi ilha da fantasia,chef Vando da Vila, jyo com salmão envolto e arroz japonês com chutney de abacaxi e perfume de alecrim. Costumo usar produtos locais e matérias primas de cada região,um prato muito típico é o que conhecemos de coração de banana o famoso umbigo de bana que tem um sabor excêntrico e original,quando preparado podemos usa-los na gastronomia,gosto de preparar um uramaki de umbigo de banana com perfume de jasmin que realça todos os sabores típicos e fica além do aroma um sabor unico.

O fato de o Japão ser um país formado por ilhas, em que nenhum lugar está a mais de 70 milhas do mar, fez com que os japoneses tirassem dele sua principal fonte de alimento, consumindo diversos tipos de peixes, moluscos e algas marinhas. O peixe é o ingrediente básico para pratos típicos que possuem verdadeiros templos no Japão (e que ganharam o mundo), como o sashimi (peixe cru fatiado bem fino) e o sushi (pequenas porções de arroz temperado com vinagre, cobertas ou recheadas com fatias de peixe cru, entre outros ingredientes).

A carne só foi introduzida na culinária japonesa no século 19. Até então ela não fazia parte da dieta tradicional japonesa. Depois de sua introdução, foram criados novos pratos utilizando carne bovina, suína e de frango. Atualmente, receitas que utilizam esses ingredientes são muito populares, como é o caso do yakitori (espetinhos de frango grelhado) e do sukiyaki.

Os temperos mais comuns são o shoyu (molho de soja), o missô, o wasabi (semelhante à raiz forte), o karashi (mostarda), sake (bebida alcoólica à base de arroz) e dashi (caldo de peixe).

A imagem pode conter: texto e comida



     

Comente a Notícia!

Seu nome:

Seu e-mail: (não divulgaremos o seu e-mail)

Seu comentário:


Comentários


Ainda não existem comentários para esta notícia.